Manutenções da indústria que fazem total diferença

Por mais que todas as máquinas industriais sejam projetadas para terem uma vida útil tão longa quanto possível, elas não são indestrutíveis.

Por conta disso, é preciso realizar procedimentos de manutenção periodicamente nesses itens, de modo que o seu funcionamento aconteça dentro dos parâmetros aceitáveis para tal.

Apesar de todos os processos do tipo serem importantes para o bom funcionamento de uma linha de produção, é importante frisar que alguns se destacam pelos benefícios oferecidos ao estabelecimento e à sua competitividade. Confira alguns deles a seguir, bem como quais são as vantagens oferecidas por eles:

  1. Recuperação de engrenagens

As engrenagens são peças fundamentais para o funcionamento de uma série de processos dentro do setor industrial. Isso pois a sua função é fazer com que a energia mecânica gerada pelo equipamento flua adequadamente, de modo que o equipamento como um todo possa funcionar.

O problema é que elas, assim como qualquer outra peça, tendem a se desgastar com o uso. À medida que isso acontece, seu funcionamento fica comprometido, o que, por sua vez, faz com que a máquina também opere de modo anormal.

A boa notícia é que, em muitos casos, esse problema tem solução: basta investir na recuperação de engrenagens. Como o seu próprio nome diz, trata-se de uma série de procedimentos que podem ser usados para fazer com que tais peças voltem a funcionar normalmente, tais como:

  • Desmontagem de engrenagens;
  • Verificação de trincas em sua superfície;
  • Jateamento para remoção de impurezas;
  • Usinagem de segmentos.

Por mais que esses procedimentos tenham muito potencial para fazer com que as engrenagens fiquem como novas, é preciso levar em conta que eles, muitas vezes, são delicados: qualquer erro pode prejudicar severamente o funcionamento da peça.

Para evitar que isso aconteça, é importante que a tarefa fique a cargo de empresas de manutenção industrial devidamente qualificadas para tal, e que tenham boa reputação no mercado.

  1. Manutenção elétrica

Corte de custos, melhora na qualidade dos produtos e eficiência na linha de produção. Essas são algumas das vantagens que fazem com que a automação industrial seja cada vez mais adotada por indústrias dos mais variados segmentos.

No entanto, é preciso ter em conta que, apesar dos benefícios, essa técnica também exige a tomada de alguns cuidados.

O principal deles é com as instalações elétricas: como boa parte das máquinas usadas em processos de automação industrial funcionam à base de eletricidade, é fundamental que estruturas como o quadro de distribuição sejam mantidas sempre em bom estado. Do contrário, pode haver interrupções na distribuição – e, consequentemente, no funcionamento da linha de produção.

Por conta disso, empresas com tarefas automatizadas devem investir em manutenções elétricas bem feitas. A ideia é verificar o estado de funcionamento dessa estrutura, de modo que eventuais defeitos possam ser reparados o quanto antes.

Também é interessante que, ao montar a estrutura elétrica da indústria, o responsável pelo projeto não seja guiado apenas pelo preço, mas pela obtenção de uma boa relação custo-benefício.

Na prática, isso significa que caso um quadro de distribuição preço esteja muito abaixo da média do mercado, as chances de que a sua qualidade seja igualmente baixa são grandes.

Assim, é melhor investir em um aparato que tenha sido feito por um fabricante reconhecido no mercado, por mais que isso signifique pagar um pouco mais caro.

  1. Manutenção preventiva

Especialistas apontam frequentemente que a cultura da prevenção ainda não se estabeleceu na indústria brasileira. Na prática, isso significa que os gestores industriais preferem esperar que um equipamento estrague para, só então, providenciar o reparo necessário.

O problema é que esse é um dos muitos cenários nos quais o barato pode sair muito caro. Isso pois, em alguns casos, pode ser preciso realizar um procedimento demasiadamente caro ou demorado, que, por sua vez, deixará a linha de produção desfalcada.

Vale ressaltar que isso pode acontecer com qualquer equipamento: desde uma simples maquina de solda ou uma grande máquina de fabricação de moldes industriais.

Para evitar que isso aconteça, recomenda-se a realização de manutenções preventivas. Nela, cria-se um cronograma de vistorias em todas as máquinas do estabelecimento, que, por sua vez, é cumprido independentemente de elas apresentarem ou não defeitos.

Deste modo, caso alguma delas esteja acometida por um defeito silencioso, ele pode ser solucionado antes mesmo que ele se torne aparente, e, assim, prejudique o funcionamento do item em questão.

redator Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *