Importância da refrigeração industrial

Itens de controle de temperatura, como o ar condicionado, são presença praticamente garantida em boa parte das residências do Brasil.

Afinal, uma fatia considerável do território nacional está localizada em uma zona onde o calor impera durante boa parte do ano.

Nos meses de verão, um local sem um item do tipo pode beirar ao insuportável.

Entretanto, nem todos sabem que não é só o ambiente térmico que tem a ganhar com a implementação de soluções do tipo: a refrigeração industrial, que tem muito a oferecer tanto a fábricas quanto a outros ambientes.

Confira algumas de suas vantagens a seguir:

Melhora a produtividade dos funcionários

Funcionários que contam com um ambiente de trabalho agradável e confortável produzem mais e melhor. Esse é um fato consolidado entre os profissionais da área de recursos humanos e gestão de pessoas.

Isso significa que, em ambientes quentes, a refrigeração é uma maneira de fazer com que a equipe renda mais ao longo do dia de trabalho.

Isso acontece especialmente em ambientes industriais, onde os funcionários convivem com equipamentos que, muitas vezes, geram calor.

Porém, não basta instalar qualquer equipamento e esperar que ele surta efeito como mágica: é preciso estudar as características do local e definir qual solução será mais eficiente para resfriá-lo.

trocador de calor industrial, por exemplo, está presente em diversos itens usados neste ambiente, como aquecedores e até mesmo refrigeradores.

Porém, ele não é projetado para refrescar ambientes inteiros: seu uso se limita a equipamentos específicos.

A boa notícia é que há profissionais especializados na elaboração de projetos para melhorar o conforto térmico de certos ambientes, como arquitetos.

O ideal é que eles se encarreguem da tarefa.

Evita o superaquecimento de máquinas

Quem trabalha com manutenção industrial sabe que todo equipamento tem uma temperatura ótima de funcionamento, normalmente indicada pelo fabricante.

Da mesma forma, certas reações e procedimentos também precisam ser feitos sob temperaturas controladas.

No caso das máquinas, o superaquecimento pode ser especialmente prejudicial. Quando elas operam acima da temperatura indicada, pode haver sérias falhas em suas peças, prejudicando o seu funcionamento como um todo.

O problema é que o próprio maquinário costuma produzir calor ao longo de suas operações, o que significa que um ambiente com muitos itens do tipo tende a se aquecer. Isso, por sua vez, aumenta as chances de que as máquinas se superaqueçam, o que gera um ciclo vicioso.

Portanto, implementar soluções de ventilação e climatização é uma maneira de evitar este problema. Isso significa que a questão vai muito além do conforto: ela também se relaciona à conservação das máquinas e à segurança do ambiente.

Evita a expiração de perecíveis

Restaurantes, farmácias e até mesmo indústrias muitas vezes trabalham com materiais perecíveis. Caso eles sejam armazenados em condições inadequadas, isso pode causar problemas de saúde pública.

Por conta disso, os órgãos públicos competentes promovem inspeções periódicas, justamente com o objetivo de averiguar se o modo como eles são mantidos é o correto.

Alguns dos itens que exigem este cuidado são:

  • Carnes refrigeradas;
  • Certos medicamentos;
  • Laticínios;
  • Determinadas substâncias químicas.

Normalmente, ambientes comerciais investem em soluções industriais para manter estas mercadorias em bom estado, como refrigeradores apropriados para tal.

Da mesma forma, é preciso investir em manutenções periódicas para o equipamento, de modo a antecipar-se a problemas de funcionamento que comprometam sua capacidade de manter os itens em seu interior na temperatura ideal.

Isso, por sua vez, deve ser feito sempre junto a profissionais e empresas de confiança, e, de preferência, especializados.

Caso seja necessário substituir alguma peça, ela deve ser adquirida junto a empresas qualificadas, como fabricantes de trocadores de calor reconhecidos no mercado.

Reduz o risco de transmissão de doenças

Boa parte dos microorganismos morre – ou, simplesmente, não age – quando são expostos a baixas temperaturas.

É por conta disso que manter certas substâncias em freezer e refrigeradores é fundamental para garantir que o seu consumo seja seguro.

Entretanto, nem todas as pessoas sabem que isso também se aplica a ambientes inteiros.

É por causa disso que locais como clínicas e hospitais costumam ser mantidos a níveis específicos de temperatura: estes locais recebem muitas pessoas doentes e com a imunidade comprometida.

Esta é uma maneira de coibir a sua contaminação por microorganismos, mas sem usar medicamentos ou outras substâncias.

redator Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *