Automação industrial: entenda os processos

As indústrias são importantíssimas para que um país, uma cidade ou um Estado se desenvolva de forma econômica e próspera, e isso se dá por processos simples.

Basicamente, as indústrias são responsáveis pela produção de diversos tipos de insumos, desde roupas até mesmo os alimentos, passando por tudo aquilo que é material para nós seres humanos.

Por ser responsável por isso, as indústrias possuem diversos tipos de processos, que fazem com que sua produção aconteça, assim gerando empregos e demandas.

Com o decorrer do tempo, as indústrias se tornaram as principais fontes de renda de muitos países, pois a demanda continua crescendo.

Com a demanda crescendo, foram identificados que certos processos deveriam mudar, para que a indústria fosse mais eficiente.

Desse modo, surgiu o conceito de automação industrial, que criou mecanismos e produtos para automação industrial, fazendo com que a produção se tornasse mais eficiente.

Automação versus mecanização

Quando se fala em automação de indústrias e processos já nos vêm a mente os robôs em um grande espaço sem pessoas operando, e uma esteira que leva o que deve ser produzido e assim por diante.

Entretanto, essa visão é equivocada, há dois tipos de processos de otimização da produção, uma que é a automação e a outra que é a mecanização, e esses dois conceitos causam imensa confusão.

Automatização é de maneira simples trocar um processo que era feito pela ação do homem por uma máquina.

Um exemplo disso é o transporte de um objeto para um outro lugar, que pode ser substituído por uma esteira transportadora horizontal, fazendo com que o transporte seja mais rápido.

Já a automação é um sistema inteligente, em que máquinas e homens possam trabalhar de maneira simultânea, visando um desempenho firme e garantindo a qualidade em todas as suas etapas, melhorando todos os processos para os colaboradores e clientes.

Ao invés da esteira só levar o produto para o outro lugar, por exemplo, a automação faz com que a esteira também identifique o peso e o destino correto de maneira automática.

Assim, a automação é muito mais que um painel elétrico que manda sinais de comando, mas faz parte do desenvolvimento orgânico da indústria.

Automação industrial em duas partes

Dentro da automação industrial existem dois painéis diferentes de processos que podemos chamar de operacional e de controle. Esses dois procedimentos são importantíssimos para que a produção com a automação seja eficiente.

Parte operacional

A parte operacional do processo de automação industrial é, na realidade, o conjunto de elementos que faz com que determinadas máquinas se movam e executem tarefas desejadas.

Por exemplo, fazem parte desse conjunto os sistemas de acionamento e pré-acionamento como:

  • Válvulas;
  • Motores;
  • Cilindros;
  • Compressores.

Além disso, também fazem parte desse processo os sistemas de detecção, temperatura e visão, além dos sensores de movimento conhecidos como de sensores de radiofrequência.

Parte de controle

Já a parte de controle é todo o aparato que permite o gerenciamento dos sistemas e máquina, ou seja, é o lugar onde é programado a parte operacional do processo de automação.

Atualmente, é feito com computadores utilizando-se de uma ferramenta chamada CLP – Controlador Lógico Programável.

Assim, essa parte do sistema de automação se comunica com todos os outros componentes e faz o processamento da lógica de funcionamento, dando o comando para a máquina ou ferramenta executar sua função.

Benefícios da Automação

Ter um sistema de automação é muito mais que uma bancada de teste, consiste, na realidade, uma forma de execução de tarefas, e isso faz com que a indústria seja mais eficiente trazendo diversos benefícios, como veremos abaixo.

Eficiência na linha de produção

Com a automação, o tempo de produção é encurtado, é possível trabalhar mais e em menos tempo, isso porque as máquinas estão menos propensas a erros e conseguem atuar horas a fio sem parar, consequentemente, isso gera um aumento na produção.

Segurança dos colaboradores

A automação traz segurança aos colaboradores, já que as operações de risco agora são feitas por máquinas.

Podemos citar também como benefício da automação: o aumento da qualidade dos produtos e uma maior analise e controle dos dados de produção.

Assim, percebemos que o sistema de automação industrial é ideal para quem precisa dar eficiência e rapidez em sua produção, para assim maximizar os lucros e minimizar as perdas.

Dessa forma, a automação é um dos principais investimentos de uma indústria., sem tirar o valor dos seus funcionários.

redator Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *