Aprimorando as formas de trabalhar para alcançar a excelência

Sabe-se que existe uma amplitude muito grande nos setores industriais e nas suas ações: fábricas de diversos segmentos, construção civil, manutenções, conserto de macaco hidráulico e entre outros.

Enfim, a verdade é que para que o mundo funcione existem empresas responsáveis por fazer essa roda girar, então por onde se olhe vai ter alguém trabalhando para entregar um produto ou serviço.

Por isso, um mercado muito extenso é o das máquinas e equipamento, que tem como objetivo facilitar todos os processos que se conhece hoje.

No entanto, essas ferramentas têm maneiras diferentes de funcionar, são inúmeros os sistemas que podem ser aplicados para dar maior desempenho nos trabalho, entre eles os mais usados e mais eficientes são os hidráulicos e pneumáticos, mas como saber a diferença entre os dois?

Para entender as diferenças, saber a funcionalidade de cada um e conseguir identificar o ideal para cada situação, é preciso pesquisar e aprender mais sobre ambos.

Por isso, vai uma série de informações para nortear o consumidor na hora de adquirir as máquinas pneumáticas e hidráulicas certas.

Como diferenciar os mecanismos pneumáticos dos hidráulicos?

Para começar é preciso entender o funcionamento de ambos os sistemas para depois conhecer os modelos e aplicações existentes no mercado.

Neste sentido, as máquinas pneumáticas são movidas por ar comprimido, emitindo altos níveis de força e velocidade, fazendo com que seu desempenho seja excelente.

Em relação ao sistema hidráulico, pode-se dizer que é semelhante ao hidráulico, sendo bastante eficiente e gera grandes índices de força, com a diferença que os causadores da movimentação são fluidos líquidos como óleos.

Além disso, este processo é um tanto mais preciso que o outro, pois sua velocidade é maior dando um acabamento melhor ao trabalho.

Contudo, todos os dois mecanismos usados para gerar força e fazer funcionar as máquinas são muito importantes e eficientes, por isso inúmeros segmentos fazem uso de uma técnica ou até mesmo as duas em uma combinação bem viável, alguns destes setores são:

  • Construção civil;
  • Indústrias em geral;
  • Movimentação de carga;
  • Empresas de mineração.

Aprendendo quais os equipamentos cada setor precisa

Agora que se sabe funcionamento dos sistemas o próximo passo é conhecer as principais máquinas e para quais aplicações são mais indicadas, inicialmente pelos pneumáticos que são a lixadeira e o grampeador.

A lixadeira pneumática como o próprio nome já diz ela é usada para o lixamento de superfícies sendo que existe um modelo ideal para cada segmento, mas o que faz um uso mais árduo é o de mecânica, funilaria e pintura, já que sua capacidade de funcionamento é elevada e a precisão do resultado final é excelente.

Em segundo destaca-se o grampeador pneumatico por sua flexibilidade na utilização, ele atua como uma forma mais resistente e duradoura de grampear objetos, então em casos de fechamento de caixas, montagens de paletes e móveis, criação de peças de tapeçaria e calçados.

Além disso, também é usado na construção civil, isso porque substitui as fitas e pregos garantindo uma fixação mais adequada.

Este é o momento para falar sobre os equipamentos hidráulicos.

Não apenas quem utiliza carros, mas a maior parte da população em geral sabe o que é um macaco hidráulico, essa ferramenta tem seu uso principal para levantar carros para trocar pneus ou corrigir algo debaixo do veículo, mas seu uso não se restringe a essa função, ele também consegue elevar cargas diversas em indústrias.

A prensa hidraulica é eficiente na reciclagem, isso porque, além de carregar cargas pesadas, ela também prensa materiais como plástico, papel e metal criando vários blocos que são mais fáceis de transportar, guardar e descartar.

Por fim, os atuadores hidráulicos têm como princípio transformar a energia hidráulica em energia mecânica, eles podem ser considerados uma espécie de motor usado também para elevar cargas, como os itens citados acima.

Contudo, é importante lembrar que todos os equipamentos e máquinas devem seguir um padrão de qualidade e segurança, por isso as manutenções preventiva e corretiva devem ser feitas periodicamente para preservar as peças.

Então o conserto de macaco hidráulico, inspeção da abraçadeira bipartida, manutenção de lixadeira, prensa, atuadores e mais, precisam ser preocupações constantes dos setores que fazem a utilização destes equipamentos.

Para isso, existem ainda empresas que executam esses serviços de manutenção e podem ser acionadas para facilitar a vida dos consumidores.

redator Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *