A história da usinagem e como ela se tornou o que é hoje

Desde o início dos tempos, o homem transforma matérias-primas em produtos. Com a descoberta dos metais, lá na pré-história, já se utilizavam algumas técnicas que chamamos, hoje, de usinagem. Mas, você sabe o que de fato, é essa atividade?

O que é usinagem?

A usinagem é, de maneira resumida, a atividade de usinar. Ou seja, de produzir e transformar matérias-primas (normalmente metais) em produtos. Isso se dá por meio de máquinas e ferramentas.

Inclusive, a indústria de usinagem em Portugal se chama de indústria de maquinagem. Um bom exemplo disso é a realização de uma cópia de chave. A partir de um modelo, um metal é preparado e transformado em uma chave nova.

Outra característica da usinagem é a criação de peças em série, o que agiliza o processo de produção industrial.

A ferramentaria é outra atividade que tem esse mesmo objetivo: criar e desenvolver peças e ferramentas. Na verdade, a usinagem está dentro do setor de ferramentaria.

Dessa forma, ferramentaria e usinagem são atividades essenciais para o dia a dia industrial.

Ainda outra especificidade da usinagem é o custo-benefício. Por meio da construção em série, as produções são mais baratas e rápidas de serem feitas.

História da usinagem

A usinagem, como vimos, é a fabricação de produtos e objetos de metal. Hoje, o centro de usinagem é muito comum ao redor do mundo.

Porém, não foi sempre assim. Apesar de a usinagem ter uma história antiga, ela foi se aprimorando ao longo do tempo. Até o serviço de usinagem CNC existir, foram muitas transformações.

Quando olhamos para a história, descobrimos que o homem começou a transformar metais na pré-história, utilizando o cobre e o ouro. As matérias-primas ao longo do tempo foram mudando, 700 anos a.c utilizava-se o ferro.

Já em 1900 passou-se a usar o aço rápido, composto de elementos como:

  • Carbono;
  • Tungstênio;
  • Cobalto;
  • Cromo;
  • Vanádio;
  • Manganês;
  • Molibdênio.

É nessa mesma época que o processo de usinagem é criado, porém de forma braçal. Inclusive, esse material (o aço rápido) é utilizado até hoje. Inicialmente, as máquinas utilizadas eram as máquinas a vapor.

A mais antiga das máquinas inventadas e utilizadas para o processo de usinagem é o torno, que existe e é usado até hoje. Sua função é produzir peças de maneira mecânica.

Através de um movimento de rotação, o torno delineia a peça no formato desejado. Porém, os formatos produzidos pelo torno são circulares.

O torno vara, como também é chamado, começou a ser utilizado a partir do século XIX. Após algum tempo, criou-se o torno fuso, que permitia que duas pessoas atuassem ao mesmo tempo. Isso fez com que o trabalho fosse feito mais rápido.

O torno a vapor, por sua vez, foi criado no XVIII por Henry Moudslay. Após isso, surgiu o torno com motor (1906), torno elétrico (1925), torno automático (1960) e, apenas em 1978 o torno CNC.

Usinagem CNC

Num geral, existem dois tipos de usinagem. A usinagem CNC e a usinagem mecânica. A primeira é a chamada de usinagem de precisão. Comandada por computador e números, ela tem o objetivo de produzir as peças de maneira mais perfeita e rápida.

Já a usinagem mecânica é a usinagem feita por meio de ferramentas como:

  • Furadeiras;
  • Tornos;
  • Fresadoras;
  • Retificadoras.

Com o avanço tecnológico, cada vez mais a usinagem se qualifica e fica mais perfeita. Todos os erros e qualquer dano são eliminados e, assim, ao redor do mundo, as indústrias se qualificam ainda mais.

Hoje, existe, também, diversas maneiras de fazer usinagem. Uma delas é o centro de usinagem vertical, que se utiliza de uma ferramenta de corte rotativa.

Por fim, podemos chegar à conclusão de que, sem a usinagem, não teríamos a área industrial que temos hoje. Foi apenas por meio das transformações dos metais que chegamos aos equipamentos e ferramentas que conhecemos.

A usinagem é responsável pela produção de diversas peças pequenas e que são fundamentais para a construção de determinadas estruturas. Sendo assim, ela é muito mais importante do que imaginamos.

Muitas vezes, acabamos não prestando atenção ou não dando tanta importância para assuntos como usinagem, ferramentaria ou automação industrial. Esse é um dos maiores erros, principalmente para as pessoas que têm interesse na área industrial.

Assim, é fundamental conhecermos todas essas questões. E você, já sabia o que era usinagem?

redator Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *