9 características do eletroduto que você precisa conhecer

Um eletroduto galvanizado é um tubo utilizado para contenção da fiação de alguma instalação elétrica.

Embora a maioria das pessoas já tenha visto esse tipo de equipamento, há uma série de informações sobre eles que não chegam ao conhecimento geral. Por isso, este artigo explica 9 características fundamentais sobre eletrodutos.

1. Eles podem ser feitos de diferente materiais

Os eletrodutos possuem muitas aplicações. Eles podem ser instalados no ambiente externo ou interno, na vertical, suspensos ou no subsolo.

O resultado é a necessidade de variedade de materiais. Você pode encontrar:

  • Eletroduto de pvc 3 4;
  • Eletroduto de polietileno de alta densidade;
  • Eletroduto de ferro;
  • Eletroduto de alumínio;
  • Eletroduto de aço carbono;
  • Eletroduto de aço inoxidável.

2. As cores importam

Quando o assunto é eletroduto, as cores importam. Os eletrodutos amarelos e laranjas são feitos para fiação de baixa tensão, mas o amarelo é utilizado em paredes e o laranja é usado para pisos e lajes. Isso se deve ao fato de que o laranja é mais resistente.

3. Eles protegem a fiação contra o ambiente externo

Um eletroduto pvc 1/2 ou um metálico tem a função de proteger a fiação contra a água presente no solo, contra agentes químicos, contra a abrasão e outros perigos que o ambiente externo possa oferecer. Isso torna a instalação elétrica mais durável e mais segura.

4. Eles protegem o ambiente externo contra incêndios e choques

O oposto também acontece! Os eletrodutos, muitas vezes, servem para isolar a fiação e impedir que incêndios se iniciem ou que a área próxima sofra com descargas elétricas. Os melhores materiais para essa função são os plásticos.

5. Suas medidas são muito importantes

É comum encontrar o termo eletroduto galvanizado 2 polegadas. No Brasil, não estamos tão acostumados com essa unidade de medida, o que pode deixar muitas pessoas confusas.

Mas não é preciso se preocupar, existem tabelas que apresentam a correspondência em polegadas para a medida em milímetros, considerando o espaçamento com a superfície de instalação, a seção dos cabos, fios e outros fatores.

Ainda assim, há algumas precauções a se tomar. Para saber se você deve adquirir um eletroduto 3/4 galvanizado ou outra medida, você deve saber quanto espaço interno precisa ficar livre.

Se for apenas um condutor dentro do duto, deixe 47% do espaço livre. Se forem dois condutores, deixe 69%.

Já no caso de três ou mais condutores, é preciso que 60% do espaço dentro do eletroduto esteja livre.

6. A galvanização é a frio

Existem dois métodos de galvanização: a frio e a quente. A galvanização a quente garante que tanto o lado interno quanto o externo do tubo estejam protegidos com o zinco.

Entretanto, a fiação não oferece perigo de corrosão para o tubo e, assim, não é preciso proteger o lado interno. Já o lado externo pode estar em contato com a umidade e outras substâncias.

7. Existem eletrodutos pesados

É chamado de eletroduto galvanizado pesado aqueles que são voltados para atmosfera explosiva e industrial.

São eletrodutos feitos de aço carbono, um tipo específico que recebe a galvanização a quente por imersão de zinco a fogo. São muito resistentes e também podem ser usados no ambiente externo.

8. Eles podem ser rígidos ou flexíveis

Os eletrodutos rígidos são os mais conhecidos, muitas vezes utilizados na decoração de casas, ficando expostos em seu interior.

Podem ser feitos de PVC, mas costumam ser feitos de metal. Eles são muito resistentes ao impacto, a possíveis colisões externas, então seu uso é comum em pisos e lajes. Sua instalação é mais difícil e exige mais planejamento, pois eles não podem ser dobrados.

Os flexíveis são mais populares e podem ser corrugados, sua instalação é simples por causa de sua maleabilidade e a aplicação mais comum é em paredes. Normalmente, são feitos de material plástico.

9. Normas Brasileiras Reguladoras

Há algumas normas que podem ser consideradas para esse tipo de trabalho. As principais são a NBR-5410 (Instalações elétricas de baixa tensão) e a NBR-14639 (Posto de serviço – Instalações elétricas).

Por fim, conclui-se que para uma instalação elétrica de qualidade é preciso dar a devida atenção aos eletrodutos.

Escolher o material com cuidado e realizar a instalação seguindo todas as regras é uma forma de evitar problemas e tornar os locais mais seguros. A consulta com profissionais da área sempre é bem-vinda.

redator Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *