5 serviços de manutenção na indústria

A indústria é um conglomerado grande de máquinas e equipamentos, lá pode-se encontrar o torno, máquinas hidráulicas e compressores. Todos esses maquinários trabalham de forma quase que sincronizada e unificada para realizar a produção de determinados itens.

Com o passar do tempo, e pela constante utilização dessas máquinas, em algum momento será necessário a ocorrência de alguns processos de manutenção, para que os equipamentos se mantenham com o melhor desempenho possível.

Independente do setor da indústria, seja uma de Serviços de caldeiraria ate uma do setor de alimentos, sabemos que qualquer problema em uma determinada máquina pode acarretar em sua parada. Em uma indústria, a parada de uma específica máquina pode significar uma perda significativa de dinheiro e tempo, os itens primordiais em todo o ramo de mercado.

Para que você saiba o momento correto de solicitar uma manutenção, elaboramos este texto reunindo cinco desses serviços e como eles podem ser devidamente aplicadas à sua fábrica.

Por esse motivo, aconselho que continue com a sua leitura e venha conhecer mais sobre quais as diferentes modalidade de manutenção existem, e quando devem ser solicitá-las.

Manutenção preventiva

A manutenção preventiva, dentre todos os tipos, é uma das que mais se destaca, pois mantém o nível dos equipamentos, com intervenções programadas e periódicas para que se possa reduzir o nível de deterioração presentes nas máquinas.

A realização da manutenção preventiva combina métodos em relação ao tempo e nas condições necessárias de forma a manter o equipamento funcionando e, a partir dessas intervenções, é possível manter o desempenho correto dos materiais estruturais.

Seja no âmbito do Serviço de fresa, como em qualquer outro do meio industrial, é de suma importância que se mantenha a manutenção com a devida periodicidade para garantir a qualidade dos equipamentos.

Estão entre as principais vantagens que esse manutenção pode oferecer:

  • Evitar corrosão;
  • Evitar paradas abruptas dos maquinários;
  • Economizar gastos, evitando o comprometimento total do aparelho;
  • Prolonga a vida útil da máquina.

Manutenção de Parada

Já a manutenção de parada, que também é chamada de manutenção por melhoria, se trata de paralisar ou realizar uma grande parada em equipamentos, com o objetivo de fazer com que eles possam atingir novamente o seu estado de novo.

Neste caso, são realizadas diversas revisões e reparos como uma forma de assegurar um bom desempenho dos equipamento, seja uma caldeira ou qualquer outro item do meio industrial.

Manutenção corretiva

Talvez a opção mais comum entre todas as citadas, a manutenção corretiva tem o objetivo de corrigir defeitos presentes em diferentes equipamentos.

Normalmente ela começa pelos operadores desses itens relatando como se deu o problema e quais os defeitos presentes e posteriormente deve ser chamado um técnico especializado para realizar o conserto da máquina.

Ou seja, ela ocorre quando o equipamento já apresenta alguma falha, defeito e ou é totalmente inutilizada.

A manutenção pode ser realizada em diversos maquinários diferentes, sendo feitos em máquinas de solda, tornos mecânicos, prensas e qualquer outro tipo de máquina funcional que se encontre no âmbito industrial.

Manutenção de quebra

Diferente do tipo de manutenção planejada, para essa opção não há nenhum tipo de planejamento implícito.

Ou seja, significa deixar o equipamento funcionar até que o mesmo quebre e necessite ser consertado.

A manutenção de quebra é devidamente aplicada quando as falhas não afetam de forma direta as operações, ou dê algum tipo de prejuízo financeiro.

Manutenção baseada no tempo

Um exemplo claro, que ajudará na compreensão desse tipo de manutenção, é quando uma empresa possui um Resfriador vertical e nele realiza uma série de inspeções de cunho visual, lubrificação e limpeza de seus componentes. Isso evitará falhas repentinas em seus sistemas e problemas nos processos do mesmo.

Assim, pode-se afirmar que essa manutenção não exige uma especialização, podendo ser realizada pelos operadores após um treinamento básico.

De modo geral, ela deve ser realizada periodicamente, após um determinado período de tempo que pode ser determinado pelo fabricante e/ou por um especialista.

Ela é de alta ajuda para conservar o equipamento e adiar possíveis problemas que venham a ocorrer.

Na indústria, como existem uma infinidade de maquinários e que precisam funcionar de maneira quase que constante e ininterrupta, é muito recomendado que se preste atenção no desempenho de cada máquina, para que se possa realizar as devidas manutenções assim que necessário. Isso evita perdas financeiras de tempo e também perdas definitivas de maquinários.

As manutenções são, nos fim das contas, as maiores aliadas dos equipamentos e máquinas presentes na indústria.

redator Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *